top of page

Bitcoin sobe quase 10% em uma semana

Criptomoedas pegaram carona na alta de ações de tecnologia após empresas como a Amazon registrarem bons resultados e reverterem o receio trazido pelo balanço decepcionante da Meta, dona do Facebook.



O bitcoin (BTC) voltou a subir nesse sábado após iniciar o movimento de valorização na última sexta-feira (4). Assim, o ativo reverteu a queda que vinha apresentando nos últimos dias e superou a cotação de US$ 40 mil pela primeira vez em duas semanas.


Por volta das 19h do sábado (5), o bitcoin subia 2,99%, cotado a US$ 41,7 mil, depois de fechar a sexta-feira com alta superior a 10%. Em uma semana, a alta do ativo é de 9,19%.


Outras criptomoedas também registraram alta. Por volta das 19h de sábado (5), o Ethereum, a segunda mais negociada, subia cerca de 2,91% e era cotada acima dos US$ 3 mil. Em uma semana, a criptomoeda valorizou 16,36%.


As altas acompanham uma recuperação do setor de tecnologia nos Estados Unidos após volatilidade no segmento. Os resultados decepcionantes da Meta, dona do Facebook, fizeram as ações afundarem. No entanto, na sexta-feira empresas como Amazon, Pinterest e Snap mostraram resultados positivos e ajudaram o índice Nasdaq, que reúne papéis mais ligados à tecnologia, a subir 1,58%.


A visão de especialistas é que o mercado de criptomoedas atingiu seu equilíbrio após as quedas recentes e agora testa novas barreiras, em especial o nível dos US$ 45 mil, para conseguir ampliar os ganhos no curto prazo.


Fontes: Valor Investe, InfoMoney

Comments


bottom of page